All posts in abril 2015

Homenagens e reflexões no dia do índio

pataxos

Sempre em busca de fatos da nossa história e de nosso povo, que possam, inspirar e enriquecer suas músicas, a banda carioca de Heavy Metal Tamuya Thrash Tribe, marcou presença, no último domingo, em evento realizado no Parque Lage (Rio de Janeiro), onde foi celebrado o dia do índio.

O evento, organizado pela Secretaria de Estado de Cultura em parceria com a Associação Indígena Aldeia Maracanã (AIAM), aconteceu no dia 19/04, na Escola de Artes Visuais do Parque Lage, das 10h às 17h, e incluiu apresentações de rituais, danças e cantos indígenas,

pintura corporal, mostra de cinema Guarani, índios contando histórias, exposição, venda de artesanato indígena e o lançamento do livro, “Una Isi Kayawa”, a primeira história de documentação de Huni Kuin, no Acre, feita completamente com autoria Huni Kuin.

Durante o evento o Tamuya Thrash Tribe fez contato com índios de diversas etnias, dentre elas Pataxó, Guarani, Fulni-ô, Guajajara, Tupi-Guarani, entre outros povos.

“Estamos no final do processo de pré-produção do nosso CD, que contará com algumas músicas que abordam a temática indígena. Para a gente foi muito bom poder estar perto, conhecer um pouco mais da cultura deles, buscar inspiração, força e energia para o nosso processo criativo. Fizemos grandes amizades, que podem mudar os rumos da nossa música. Aguardem!”, disse Luciano Vassan, guitarrista e vocalista da banda.

Em suas redes sociais a banda fez uma homenagem aos povos indígenas brasileiros com a seguinte mensagem:

“Para o TTT, todo dia é dia do índio, mas enquanto as populações indígenas ainda não tiverem o respeito e o reconhecimento que merecem, a gente ainda vai precisar dessa data para lembrar as pessoas que eles estão aqui, e já estavam aqui muito antes da gente!”

Logo após o encontro, o TTT disponibilizou um vídeo em seu canal do YouTube, o vídeo “Uhu Zaneru”, com a participação de Zahy Guajajara. Pode ser assitido aqui no site, na seção vídeos.

O registro fotográfico do evento ficou por conta de Thayná Gomes e Zahy Guajajara.